Ampliando a sonoridade que apresentará em primeiro álbum, “Live Twothousandhatein”, o Hate Moss apresenta seu novo single, “Londres”. A faixa está disponível nos serviços de streaming através dos selos Stock-a Arts and Records (Reino Unido) e Discos Rebeldes (Argentina/México) e mostra a versatilidade do duo ítalo-brasileiro em uma intensa performance ao vivo, cantada em inglês e português.

Assista a “Londres”: https://youtu.be/c-Y3an7DV2w

Ouça “Londres”: http://smarturl.it/HateMossLondres

“Londres” é um exemplo da pluralidade de Hate Moss, projeto de música experimental que une elementos do indie, do pós-punk e do electroclash com tons de música brasileira e italiana. Radicados na capital inglesa, Tina e Ian Carvalho mesclam Português e Inglês em uma canção que celebra as diferenças e critica os extremismos que levam pessoas a eliminarem outras apenas por serem únicas. Como uma das músicas mais bem-recebidas nos shows, “Londres” se tornou um exemplo das multifacetas do Hate Moss.

“Este lançamento mostrará outra parte mais pesada da banda, apresentando uma diversidade de estilos que está presente em todo o álbum. Tentamos ir além e ser uma banda global, mais que brasileira, italiana ou inglesa. Os limites das línguas não nos dão medo, mas sim nos excitam em experimentar mais. As sonoridades vão despertar no ouvinte os sentimentos que queremos transmitir”, resume Ian.

O projeto, iniciado em 2018, viu seu primeiro disco ganhar forma quase que acidentalmente. Após um convite do Relaxo Studio, em Florença, na Itália, para a banda participar de sua série de vídeos The Hidden Session, os músicos aproveitaram a oportunidade de registrar todas as canções também em áudio, transformando sua performance crua e completamente ao vivo no primeiro disco da Hate Moss – daí o nome, “Live Twothousandhatein”.

A urgência da gravação transmite a intensidade de Ian e Tina ao vivo, aumentada devido a um atraso muito característico daquela região: “Em Florença, se acha um vinho bom e barato, isso pode ser perigoso quando se grava na Toscana. Chegamos no estúdio e começamos e brindar para comemorar a gravação, deixando-nos atrasados no cronograma. Por isso tivemos que fazer só uma tomada. Foi um show mesmo, meio bêbados e tudo às pressas, mas muito divertido”, lembra Tina.

Esse é mais um gostinho do disco, que já teve revelados os singles “Honey” e “Evil”. O lançamento abriu portas para uma turnê por várias cidades do Brasil, indo de Florianópolis até Goiânia, passando por Rio e São Paulo. Além disso, eles se apresentaram no Locomotiva Festival, dividindo palco com nomes como Rakta e Boogarins.

Assista a “Evil”: https://youtu.be/DjA1Eoc_FWQ

Assista a “Honey”: https://youtu.be/AR6vKUrgNKs

Em seguida, o Hate Moss embarcou para uma turnê pela Itália  que passou por Roma, Arezzo e Florença, onde se apresentou na Florence Tattoo Convention. “Live Twothousandhatein” será lançado em formato digital e vinil em maio pelo selo Stock-a Arts and Records, dirigido pelo duo, em parceria com o Discos Rebeldes (Argentina/México).

Após o lançamento do álbum, a banda reserva para 2019 o começo da sua turnê mundial com shows marcados na Espanha, Portugal, Itália, Reino Unido, Turquia, México e Brasil. A Hate Moss se apresentará em algumas cidades brasileiras no começo do segundo semestre, com datas a serem divulgadas.

Assista a “Londres”: https://youtu.be/c-Y3an7DV2w

Ouça “Londres”: http://smarturl.it/HateMossLondres

Ficha técnica:

Ian Carvalho: Voz e bateria

Tina: Voz e eletrônicos

Alessandro Bianchi: Guitarras (samplers)

Antonio Cavaliere: Baixo (samplers)

Mauro Polito – Synth

Gravado no Relaxo Studio (Florença – Itália) por Nardo e Alessandro Bianchi.

Mixado e masterizado por Mauro Polito no Fine Arts Studio (Londres – Reino Unido).

Letra

Why I’m still here ?

You tell me

‘cause I don’t know

Whoever sent you

Doesn’t care

About money

About dope

You should know

The magic rules

Before you get inside

Otherwise your “demones”

Instead of you

Will decide the price

To cross the river

The river

To meet the wise

Você que mata gente que é diferente de você

Só porque tem outra gente que é diferente de você

Mandou você matar a gente que é diferente de você

Só porque te outra gente que é diferente de você

Mandou você …

You’ve got two eyes

On your face

Or maybe another one

Someone believe

Maybe it is a trap

Maybe it is a test

It’s depend

From the Contest

“You wanna decide”

The price

To cross the river

To meet the wise

“You wanna decide”

The Price