República Popular lança clipe gravado no icônico Teatro Amazonas

Uma das bandas de maior destaque na cena independente amazonense, a República Popular homenageia o Estado no clipe “Somo2”, dirigido por Matheus Mota. Gravado no icônico Teatro Amazonas, o vídeo conta com a participação dos integrantes da banda e de bailarinas. Formando casais, eles performam uma coreografia que recebe influência de diversos gêneros de dança, indo do caipira ao eletrônico.

Assista “Somo2”: https://youtu.be/7S4j_fO7aDc

Ouça: http://bit.ly/CurioSpotify

“A ideia original era de fazer uma session ao vivo, mas o Matheus, diretor, se encantou tanto com a música que chegou com uma ideia toda pronta de coreografia que ele queria que usássemos para fazer um clipe. A gente curtiu muito a ideia, principalmente porque tínhamos uma vontade de explorar outras áreas da arte (teatro, dança, etc)”, conta Igor Lobo, vocalista e violonista.

No início do vídeo, os pares estão definidos – porém, com o desenvolver da música, acontecem duas trocas. Para a banda, essa mudança se relaciona com o trecho da letra, que diz “deixa ser o que será de nós…”, traduzindo que em uma boa relação entre pessoas, pouco importam dúvidas ou convicções, sem espaço para julgamento. “As diferenças tem que ser superadas para que o foco seja o melhor de cada um. O clipe tenta mostrar um pouco disso por meio das trocas de pares na coreografia”, comenta Igor.

O single “Somo2” faz parte do EP “Curió” (2017) e também inclui o tracklist de “Húmus”, disco duplo que será lançado este ano, e que traz em sua temática uma homenagem ao Amazonas e à Região Norte. Por isso, era inerente que um dos símbolos do Estado fizesse parte do material audiovisual do grupo.

“Era importante pra gente ter um registro especial desses num lugar tão icônico e importante pra nossa cultura. A história do Teatro nos remete à ideia que queremos transmitir em nosso novo disco, de Amazônia globalizada, pois ele foi construído nos tempos áureos de Manaus, quando era conhecida como a ‘Paris dos Trópicos’, um fato que reflete muito a necessidade e o potencial da cultura amazonense ser levada à escala global”, analisa Sérgio Leonidas.

República Popular (crédito Carlos Eduardo Pessoa)

A ficha técnica do clipe traz no elenco os integrantes da República Popular, além das bailarinas Larissa Cristine, Mikaela Raícham, e ainda as instrumentistas Renata Martins e Olívia de Moraes, das bandas Cardíaco e Olívia de Amores, respectivamente. Na direção, produção, direção de arte e coreografia, Matheus Mota. Na direção de fotografia e edição, Davi Penafort e Henrique Michiles; e na assistência de produção, Stephane dos Santos. Além disso, a maquiagem foi realizada por Letícia Silva; com a operação de iluminação de Tabbatha Melo e como assistente de coreografia, Franklen Moraes.

Assista “Somo2”: https://youtu.be/7S4j_fO7aDc

Ouça: http://bit.ly/CurioSpotify

 

SOMO2

(Vinítius Salomão)

 

e se eu fosse como húmus

no teu coração

te brotaria o sentimento

e a convicção

 

e se a dúvida é mesmo

o preço da pureza

então te quero tão profana

como dinheiro em igreja

 

ah se eu pudesse ser o sol que te aquece

quem sabe as rosas nesse mar, que te protegem

será que ainda me julgaria?

e, mesmo assim, me julgaria.

 

deixa ser o que será de nós

vem cá ver o que passamos sós

deixa ser o que somo2 nós

vem juntar todos os nossos nós

 

deixa ser o que será de nós

vem cá ver o que passamos sós

deixa ser o que somo2 nós

vem juntar o melhor de nós