Tag Archives

Posts with Arthus Fochi tag.
Arthus Fochi retoma projeto colaborativo Ano Sabático no single “Fantasma”

O projeto Ano Sabático, que traz encontros do cantor e compositor Arthus Fochi ao lado de parceiros musicais da nova cena brasileira e da América Latina, volta com o single “Fantasma”. Na nova canção, ele conta com a participação do multiartista pernambucano Tyaro. A faixa chega com um clipe e está disponível nas plataformas de música digital.

Assista a “Fantasma”: https://youtu.be/sASDeGll58w

Ouça “Fantasma”: http://smarturl.it/ArthusFochiFantasma

O projeto Ano Sabático visa a unir diversos artistas diferentes com o trabalho de Arthus em singles que formarão um álbum. Entre os convidados, nomes como Chico Chico, Julia Vargas, Qinho, Ana Frango Elétrico, Juliana Linhares (Pietá) e o cantor venezuelano José Delgado. “Fantasma” retoma os lançamentos do projeto, que acontecem desde 2018. Nela, Fochi se une a Tyaro. Nascido em Pernambuco e criado no Rio de Janeiro, ele ganhou notoriedade com Rio Maracatu, Grupo Maracutaia, Renascimento e Agytoê. A composição foi inspirada em uma história real.

“Um dia acordei sozinho mas tinha ido dormir acompanhado. Acabei escrevendo essa música na mesma manhã. Ela fala dessas relações amorosas fugazes, que você não entende se começou ou se acabou, quando se duvida da realidade. Nessa gravação fiquei muito feliz com a participação do Scott Hill, amigo e grande saxofonista que admiro muito. Ele trouxe efeitos e um naipe de sax alto que deu a ambiência que queria pra música”, explica Arthus.

Em 2017, Arthus Fochi lançou o álbum “Suvaco do Mundo”, que atesta a sua habilidade enquanto letrista e intérprete, tanto no violão quanto no vocal. Desde 2007, ele investiga sons e ritmos sul-americanos efetuados em residências artísticas em vários países. Essa busca ganhou contornos profissionais com Cantores del Mundo, selo cedido a ele em 2015 por Tita Parra, neta da folclorista icônica Violeta Parra. Hoje, a gravadora é gerida por Fochi com o produtor musical Guilherme Marques, e estende sua atuação por meio de parcerias no Uruguai, Argentina e Venezuela.

O vídeo para “Fantasma” foi dirigido por João F Maciel; a mixagem e masterização ficaram por conta do Estúdio Frigideira e Gui Marques. A faixa está disponível em todas as plataformas de streaming.

Assista a “Fantasma”: https://youtu.be/sASDeGll58w

Ouça “Fantasma”: http://smarturl.it/ArthusFochiFantasma

Ficha Técnica:

Violão e voz – Arthus Fochi

Participação – Tyaro

Bateria – Gabriel Barbosa

Baixo synth e teclas – Guilherme Marques

Mixagem e masterização – Guilherme Marques

Sax soprano e sax alto – Scott Hill

Direção audiovisual – João F Maciel

Letra:

Não repare, não

Na ressaca da minha vista

Quando acordo sem você, querer

Não repare, não

Se pareço ou sou maluco

Tanta coisa por dizer, querer

Não seja esse fantasma

A coisa mais linda da madrugada

Sim, eu reparei

Na segunda vez que nós dormimos

eu estava por dizer : amo você

Eu disse baixinho,

e o vento levou teu amor

pra outro dia.

Depois, depois que já era

em mim fantasma, querer.

Arthus Fochi e Qinho unem forças no single “Caso Perdido”

Qinho é o convidado da oitava edição do projeto Ano Sabático, que traz encontros do cantor e compositor Arthus Fochi ao lado de seus parceiros musicais. A colaboração entre os artistas gerou o single “Caso Perdido”, um lançamento do selo Cantores del Mundo, já disponível nas principais plataformas de streaming e em vídeo no YouTube.

Veja “Caso Perdido”: http://bit.ly/ArthusQinho

A canção foi composta por Arhus ao lado da poeta Liv Lagerblad e foi produzida por Guilherme Marques, responsável por álbuns de BEL e Biltre, e que aproximou Fochi e Qinho.

“Qinho é um grande amigo do Gui Marques, eles produziram o último disco do Qinho (Qinho canta Marina, 2018). Ele sempre está junto, pensando, é um amigo de casa, está nos churrascos, nos aniversários, estamos no caminho da música juntos. Já venho acompanhando há anos, como amigo e admirador”, contaFochi.

Em 2017, Arthus lançou o álbum “Suvaco do Mundo”, que atesta a sua habilidade enquanto letrista e intérprete, tanto no violão quanto no vocal. Desde 2007, ele investiga sons e ritmos sul-americanos efetuados em residências artísticas em vários países. Essa busca ganhou contornos profissionais com Cantores del Mundo, selo cedido a ele em 2015 por Tita Parra, neta da folclorista icônica Violeta Parra.

Hoje, a gravadora é gerida por Fochi com Marques, e estende sua atuação por meio de parcerias no Uruguai, Argentina e Venezuela. Em Ano Sabático, a ideia é lançar canções ao lado de nomes conhecidos da música brasileira e de outros países da América Latina. Ele já gravou com Duda Brack, Julia Vargas, Juliana Linhares, Chico Chico e Ana Frango Elétrico e do cantor venezuelano José Delgado.

Assista “Tesouros Artificiais”: https://youtu.be/C9WDJhxehvY

Assista “Negra Mata”: https://youtu.be/4qyhLIWXfBo

Assista “Fidel Castro Não Morreu”: https://youtu.be/gkR6ZdzzGTU

Assista “Ronda na Mata”: https://youtu.be/Elexn-CRkP4

Assista “Águas Pluviais”: https://youtu.be/bf_F-xXN8G0

Assista “Escopa”: https://youtu.be/VfV6ad75KQY

Assista “Mamilo”: https://youtu.be/OqcZMKhWWeM

O vídeo para de “Caso Perdido” foi dirigido por João F. Maciel e Cavanha Filmes; a mixagem e masterização ficaram por conta do Estúdio Frigideira e Gui Marques.

Veja “Caso Perdido”: http://bit.ly/ArthusQinho

Ficha Técnica:

Vozes: Arthus Fochi e Qinho

Gui Marques: Baixo synth e rhodes

Bateria: Gabriel Barbosa

Coro: Qinho

Direção Musical: Arthus Fochi

Produção Musical; Arthus Fochi e Gui Marques

Letra:

Caso Perdido (Arthus Fochi/Liv Lagerblad)

Não me salve, eu não quero ser salva

Ele disse eu sou um caso perdido

Eu digo: eu sou um caso perdido

Não me cuide, eu não quero ser cuidada

Me deixa ir que o dia já vem

Não me ato, me prendo, ou me calo

Quando o sol me oferece um regalo

Quando o sol me oferece um atalho

Arthus Fochi se inspira pelo Rio da Prata em novo single produzido por Kleiton Ramil

O cantor e compositor Arthus Fochi dá protagonismo às suas raízes latinas na nova canção “La Flor Del Deseo”, que chega aos serviços de streaming e ganha um vídeo produzido por Kleiton Ramil. A gravação aconteceu ao vivo, para o programa de rádio O Sul Em Cima, que o artista gaúcho apresenta com o melhor da produção fonográfica dos estados do sul do Brasil, e também da Argentina e do Uruguai.

Assista a “La Flor Del Deseo”: https://youtu.be/DkqKeGiix1U

Ouça “La Flor Del Deseo”: http://bit.ly/LaFlorDelDeseoArthus

Nada mais justo que Arthus Fochi se influenciar justamente pela região do Rio da Prata, inspiração para esse candombe-canção. Com artistas daquela atmosfera musical em mente – em especial o uruguaio Jorge Drexler – , ele escreveu a letra em Espanhol para um arranjo minimalista, feito apenas ao violão. A parte lírica acaba funcionando com um mantra, um rio propriamente dito.

“O Kleiton é um incentivador da música latino americana no Brasil. Ele criou o programa para tentar trazer mais a música do Sul para o sudeste, e para que a música latina também chegasse mais a outros estados do Brasil. No sul há muita influência, pela proximidade geométrica, mas subindo um pouco mais não encontramos tanto essas marcas. É bom estar próximo do Kleiton, sou fã do seu trabalho há anos, desde que conheci o grupo Almôndegas, a primeira banda que ele montou antes de fazer a parceria de sucesso com seu irmão e montar o Kleiton & Kledir”, conta Arthus Fochi.

Arthus Fochi (Crédito: Amina Nogueira)

Compositor, poeta, músico, pesquisador, professor e historiador. Todas essas são facetas presentes na aura artística desse carioca filho de pai guarani paraguaio, que convergem na música. Ele lançou em 2017 o álbum “Suvaco do Mundo”, que traz canções inspiradas no trabalho desenvolvido pelo artista desde 2007, de investigação dos sons e ritmos sulamericanos efetuados em residências artísticas em vários países. Ora dançante, ora reflexivo, o trabalho bebe da também da influência da MPB setentista, em particular de Sergio Sampaio e Jards Macalé.

“Suvaco do Mundo” coroou uma trajetória de amadurecimento artístico que começou nos livros “Afasia” (2010) e “Poema Poeira” (2012), subiu aos palcos do teatro como diretor musical e ator e que passou pelo primeiro disco solo, “Exôdo Urbano”, gravado em Madrid e lançado em 2013. Atualmente, Fochi se dedica ao projeto “Ano Sabático”, em que lança mensalmente canções inéditas em parceria com nomes da nova música brasileira e latina – entre eles Ana Frango Elétrico, Júlia Vargas, Chico Chico e José Delgado (Venezuela).

Combater essa sensação de isolamento, de que o Brasil é uma enorme ilha no meio de países hispânicos, é uma das missões de Arthus com o Cantores del Mundo, selo cedido a ele em 2015 por Tita Parra, neta da fundadora e folclorista icônica Violeta Parra. Hoje, a gravadora é gerida por Fochi com o produtor musical Guilherme Marques (Richard Bona, BEL, Biltre).

Talvez por isso o som de Arthus Fochi combine tanto com O Sul Em Cima. No ar desde 2010, o programa semanal de rádio educativo-musical é gerado pela Fundação Roquette Pinto (RJ). Kleiton Ramil, músico gaúcho, mantém parcerias com rádios comunitárias e universidades na retransmissão para o Rio de Janeiro, São Paulo, Rio Grande do Sul, Minas Gerais, Paraíba, Santa Catarina e Japão. Conheça o programa: http://osulemcima.com/

Assista a “La Flor Del Deseo”: https://youtu.be/DkqKeGiix1U

Ouça “La Flor Del Deseo”: http://bit.ly/LaFlorDelDeseoArthus